Previsão do Tempo
Tempo em
Francisco Beltrão

º | º

Em novo encontro, prefeito Cantelmo Neto pede compreensão de servidores

Publicado em

Da assessoria

Prefeito Cantelmo Neto recebeu direção do Sindisem nesta segunda-feira e manteve reajuste salarial de 6,5%, mas a categoria reivindica aumento de 13%

Prefeito Cantelmo Neto recebeu direção do Sindisem nesta segunda-feira e manteve reajuste salarial de 6,5%, mas a categoria reivindica aumento de 13%

Uma nova reunião entre o Sindicato dos Servidores Municipais (Sindisem) e a Prefeitura de Francisco Beltrão debateu a pauta de reivindicações da categoria, que mantém indicativo de greve para esta terça-feira (3). O único ponto que ainda gera impasse nas negociações é o pedido de aumento salarial de 13% feito pelo sindicato; a Prefeitura que dar o reajuste de 6,5%.

Durante o encontro, o prefeito Antonio Cantelmo Neto explicou que nos dois últimos anos, todas as categorias de servidores tiveram avanços, principalmente com ganhos reais no salário, após a implantação do plano de carreira e pediu compreensão para o momento que o poder público está passando.

“Vamos conceder o reajuste que corrige as perdas inflacionárias, mas não dar um aumento tão alto em um momento que exige responsabilidade dos governantes, que em outras esferas já enfrentam queda de receitas e medidas de ajuste fiscal que prejudicam a população”, disse o prefeito no encontro, que também foi acompanhado pelo secretário de Administração, Saudi Mensor, e pela equipe jurídica da Prefeitura.

O Sindisem mantém desde a última quinta-feira o indicativo de greve e realiza na noite desta segunda assembleia para definir sobre a paralisação dos servidores.

Em janeiro, quando o Sindicato foi recebido pelo governo municipal, o então prefeito em exercício, Eduardo Scirea, esclareceu que outros pontos da pauta de reivindicação, como os voltados a segurança do trabalho para os funcionários, já estão sendo encaminhados.

Neto também enfatizou que o reajuste pelo INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) é uma previsão da Lei de Diretrizes Orçamentárias do município e que na última década, somente em anos de eleições municipais os servidores receberam aumento maior que a inflação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *