Previsão do Tempo
Tempo em
Francisco Beltrão

º | º

Excesso de chuvas prejudica cronograma de recuperação de estradas rurais

Publicado em

Desde outubro choveu mais de 1.800 mm e em 93 dias; além de impossibilitar o trabalho das máquinas, enxurradas danificaram pontes, bueiros e a pista de estradas

 

Da assessoria

O tempo instável dos últimos meses tem sido o principal entrave para os serviços de manutenção e recuperação de estradas rurais em Francisco Beltrão. Nos últimos seis meses choveu em 93 dias e a estação agrometeorologia do Iapar no município registrou 1.813,3 mm de chuva, uma média de mais de 300 mm por mês.

Além impossibilitar o trabalho de campo das máquinas da Prefeitura, o excesso de chuvas também danificou muitas estradas que estavam em boas condições. “Estamos com uma frota de máquinas boa, equipes motivadas e bem organizadas, mas nos últimos seis meses perdemos o trabalho de dois anos; estávamos com as estradas em boas condições e de lá para cá as enxurradas danificaram muito a pista em si, estouraram bueiros, pontes, enfim, causaram um prejuízo incalculável e é um trabalho que depende do bom tempo para ser regularizado conforme nosso cronograma”, afirma o secretário de Desenvolvimento Rural, Nelcir Basso.

Nesta semana, a Secretaria está na linha Oswaldo Cruz, Rio 14 e Seção Progresso trabalhando na manutenção de estradas e ainda mantém mais uma equipe itinerante para serviços emergenciais e serviços dentro de propriedades. A perspectiva de um inverno menos chuvoso – diferentemente do ano passado, que registrou estação com calor e chuva – anima Basso: “a gente não tem como fazer milagre, mas aos poucos vamos colocando nossas estradas em ordem”.

O interior de Francisco Beltrão possui cerca de 3 mil km de estradas. O trabalho da Prefeitura prioriza as vias que são utilizadas para o transporte escolar e para o escoamento da produção agropecuária, como de leite, frangos, suínos e grãos.

 

Quantidade de chuvas

Outubro – 166 mm em 12 dias

Novembro – 370 mm em 19 dias

Dezembro – 514 mm em 20 dias

Janeiro – 215 mm em 14 dias

Fevereiro – 278 mm em 15 dias

Março – 269 mm em 13 dias

Fonte: Iapar

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *