Previsão do Tempo
Tempo em
Francisco Beltrão

º | º

Campanha de Vacinação Contra a Rubéola

O Ministério da Saúde está montando estratégias para a Campanha Nacional de Vacinação destinada à Eliminação da Rubéola, com a meta de vacinar 68 milhões de pessoas em uma única etapa. No município de Francisco Beltrão a população alvo é de 20.682 pessoas.
O objetivo da campanha, que é considerada a maior já realizada pelo Ministério da Saúde, é eliminar a doença e a Síndrome da Rubéola Congênita no país até 2010. A vacinação será direcionada, pela primeira vez, também à população masculina.
Meta:
Vacinar 100% de homens e mulheres com idade de 20 a 39 anos;
População Alvo:

População Alvo Homens Mulheres Total
Faixa Etária 20 a 39 anos 10.487 11.322 21.809

20.682 pessoas(IBGE 2000)

Período de Realização:

De 9 de agosto a 13 de setembro com dia D 30 de agosto.
Empresário ligue 3520-2131, informe o numero de funcionários de 20 à 39 anos que a equipe, mediante agendamento,poderá vacinar no local.

Perguntas e Respostas:

O que é rubéola?

É uma doença causada por vírus de alta contagiosidade que se manifesta através de manchas vermelhas na pele, febre, tosse e dores generalizadas,.Durante a gravidez é importante causa de aborto e malformações dos bebês, tais como:cegueira, surdez, problemas cardíacos , neurológicos e retardo mental.

Como se transmite a rubéola?

È transmitida pelas vias respiratórias e do útero da mãe para o filho

Por que toda população de 20 a 39 anos deverá ser vacinada independente de ter tomado a vacina anteriormente?
A vacina é muito segura e a pessoa vacinada terá um beneficio: se não estiver protegida ficará imunizada e se já está protegida reforçará sua imunidade tanto para a rubéola quanto para o sarampo.

Porque é necessário alcançar cobertura de vacinação próxima aos 100%?

Por que essa é uma campanha de eliminação da circulação do vírus da rubéola, para isso acontecer se requer “imunidade total”.

Quais situações indicam adiamento da vacinação?

Pessoas com imunidade baixa e mulheres grávidas.No entanto as mulheres que estiveram grávidas durante a campanha deverão ser vacinadas após o parto.