Previsão do Tempo
Tempo em
Francisco Beltrão

º | º

No Outubro Rosa, unidades de saúde farão preventivos à noite e aos sábados

Publicado em

Da assessoria

As unidades de saúde de Francisco Beltrão terão um cronograma com atendimento diferenciado para a realização de exames preventivos do colo de útero e mamografias até o final do mês. O atendimento com horários até as 22 horas e aos sábados faz parte da campanha Outubro Rosa, lançada nesta segunda-feira (5) pela Secretaria de Saúde.

A ideia é que o cronograma com horário estendido possa contemplar mulheres dos bairros e interior que trabalham durante o dia e a meta é triplicar a quantidade de exames preventivos, chegando a 1.500 de colo de útero e 600 mamografias. “Queremos ampliar significativamente o acesso de mulheres a estes exames preventivos, que são o mecanismo mais eficiente de iniciar um diagnóstico preciso sobre a saúde feminina”, explicou a secretária de Saúde, Rose Mari Guarda.

No Agosto Azul, por exemplo, mês dedicado à saúde do homem, em 60% dos exames foram constatadas alterações, o que possibilitou o encaminhamento correto dos pacientes á especialidades dentro da rede de saúde do município.

No Outubro Rosa, mulheres em qualquer idade podem fazer o exame de colo de útero e com mais de 40 anos a mamografia. O procedimento, porém, exige que as interessadas entrem em contato com a unidade de saúde mais próxima para agendar os exames. A campanha também terá palestras educativas em empresas em parceria com a ONG Mão Amiga e atividades em locais públicos junto com cursos de saúde da Unipar, além da iluminação da Torre da Concatedral e do Cristo Redentor com as cores que lembram o mês.

 

Prevenção

O lançamento do Outubro Rosa reuniu agentes comunitários de saúde e lideranças políticas e da área da saúde em evento no hall de entrada da Prefeitura. Segundo o prefeito Cantelmo Neto, a campanha estimula a sensibilização para a prevenção de doenças. “O câncer de mama atinge as mulheres física e emocionalmente, por isso nosso trabalho em ampliar cada vez mais o acesso a formas de prevenção que sensibilizem a sociedade para as consequências da doença”, afirmou o prefeito.

O vice-presidente do Conselho de Saúde, Alessandro Perondi, a presidente da Câmara de Vereadores, Elenir Maciel, e os representantes da ONG Mão Amiga, Juceney Da Caz, e da Unipar, Fabrício Paganini, também acompanharam o ato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *