Previsão do Tempo
Tempo em
Francisco Beltrão

º | º

“Parcerias fizeram a Expobel bater todos os recordes”, diz Scirea em avaliação da feira

Publicado em

Da assessoria

Com a imprensa, Scirea e organizadores da feira avaliaram os pontos fortes da Expobel

Com a imprensa, Scirea e organizadores da feira avaliaram os pontos fortes da Expobel

Reunido com a imprensa na manhã desta terça-feira para avaliar a 26ª edição da Expobel, que terminou no domingo, o comitê gestor do evento considerou alguns pontos negativos, irrisórios perto dos elogios feitos a vários setores da feira, como o agropecuário, de alimentação, shows, agroindústrias, cultural e até mesmo os estandes de empresas.

Para o vice-prefeito e secretário de Planejamento, Eduardo Scirea, o principal fator que possibilitou o sucesso da feira foi a realização de parcerias. “Esta foi a feira de todos os recordes porque muitas pessoas e instituições estiveram agregadas, ajudando a formatar o modelo ideal de Expobel que a população quer”, afirmou. “E isso foi visível em vários segmentos, desde a organização geral, com a gestão compartilhada, até a parceria para os shows, no setor agropecuário e em diversas outras frentes”, completou Scirea.

A Expobel deste ano foi realizada pela Associação Empresarial (Acefb) com promoção da Prefeitura e apoio da Sociedade Rural e da Rural Leite. Em dez dias, o evento atraiu um público de mais de 320 mil e deve ter gerado R$ 90 milhões em negócios, segundo expectativa da organização.

Uma das principais novidades deste ano foi, além da terceirização dos shows, que dá maior segurança financeira aos organizadores, a ampliação do parque de exposições e criação do novo setor agropecuário, com recinto de leilões, pista de julgamentos, mangueiras e pavilhões de exposição, em um investimento de quase R$ 5 milhões da Prefeitura, o que deu “uma dinâmica diferente ao fluxo de pessoas em todo o parque”, segundo Scirea.

Transparência na prestação de contas

Mesmo com o fim da feira, a organização continuará trabalhando, principalmente o comitê financeiro, que reúne diversos membros e se reunirá duas vezes por semana para avaliar todas as receitas e despesas do evento. “Queremos ser o mais transparente possível na prestação de contas, por isso todas as notas passarão por esse conjunto de pessoas, para que não reste nenhuma dúvida sobre a origem e destinação dos recursos da Expobel”, afirmou o presidente da Acefb, Antonio Pedron.

Setor agropecuário satisfeito

O pessoal do setor agropecuário também elogiou a feira. Alberi Agnoleto, da Sociedade Rural, ficou satisfeito com os três leilões realizados no evento, que vendeu todos os animais em pista e deu visibilidade nacional ao município. Já Maciel Comunello, da Rural Leite, disse que o foco da entidade é registrar animais do município para que possam ser inseridos nos julgamentos ranqueados das raças jersey e holandesa. Durante a Expobel, os melhores animais da categoria do estado participaram dos ranqueamentos e os do Programa de Inseminação Artificial (PIA) somente de um julgamento didático.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *