Previsão do Tempo
Tempo em
Francisco Beltrão

º | º

Prefeitura inicia terraplenagens para escolas de Nova Concórdia e Rio Tuna

Publicado em

Da assessoria

O prefeito em exercício, Eduardo Scirea, e a equipe envolvida no processo, incluindo os secretários Viro de Graauw (Educação) e Daniela Celuppi (Desenvolvimento Rural) acompanharam o serviço em Nova Concórdia

O prefeito em exercício, Eduardo Scirea, e a equipe envolvida no processo, incluindo os secretários Viro de Graauw (Educação) e Daniela Celuppi (Desenvolvimento Rural) acompanharam o serviço em Nova Concórdia

Duas terraplenagens para construção de novas escolas do campo iniciaram nesta quinta-feira (16) em Francisco Beltrão. Os trabalhos de nivelamento realizados pela equipe da Secretaria de Desenvolvimento Rural acontecem simultaneamente em terrenos de Nova Concórdia e Rio Tuna e devem prosseguir até o final do mês.

As duas comunidades receberão novas escolas para atender os alunos do ensino fundamental; as obras começam ainda este ano, segundo o prefeito em exercício, Eduardo Scirea, que acompanhou o serviço das máquinas. “Estas duas escolas já estão licitadas e com recursos assegurados pelo governo federal, agora vamos adequar os terrenos para nas próximas semanas poder dar a ordem de serviço e iniciar a construção”, explicou.

As escolas foram viabilizadas através do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica (FNDE) junto ao Ministério da Educação e têm o mesmo padrão. Ambas terão seis salas com capacidade para 36 alunos cada, refeitório, cozinha e ala administrativa, totalizando 850 m2 de área construída, em um investimento de R$ 1 milhão em cada uma.

Em Nova Concórdia, a escola será construída em um terreno de 7 mil m2 adquirido pela Prefeitura; já em Rio Tuna a área disponível para a unidade escolar é de 15 mil m2. O governo municipal também quer iniciar neste ano a construção da nova escola Epitácio Pessoa, de Secção Jacaré, que está liberada pelo governo federal e com terreno em negociação.

De acordo com o secretário de Educação, Viro de Grauuw, o início dos trabalhos para edificação das escolas é parte de um grande projeto da Secretaria de Educação para melhorar as condições de ensino das escolas do campo. “Beltrão ainda tem uma tradição muito forte ligada a agricultura e por isso entendemos como necessária uma prática educativa adequada voltada às crianças que vivem no interior, melhorando tanto as estruturas escolares quanto as atividades pedagógicas”, diz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *