Previsão do Tempo
Tempo em
Francisco Beltrão

º | º

Linha de crédito especial contempla primeiro taxista em Francisco Beltrão

Publicado em

Da assessoria

O novo veículo do taxista José Vilson já abriu portas para novos mercados; na foto com o agente de crédito Itacir Rovaris

O novo veículo do taxista José Vilson já abriu portas para novos mercados; na foto com o agente de crédito Itacir Rovaris

O taxista José Vilson Rabbi foi o primeiro de Francisco Beltrão a adquirir o veículo que utiliza para o trabalho por meio de uma linha de crédito da Fomento Paraná exclusiva para a categoria. O profissional irá pagar o novo veículo em cinco anos, com uma taxa de juros menor que de aplicações em poupança.

Vilson trocou o carro de modelo popular por um completo e já conseguiu alavancar novos mercados. “Ter um carro melhor, pra gente, abriu um monte de portas: agora comecei a prestar serviço para a BRF e seguradoras, que exigem que seja oferecido esse conforto de um carro pra viajar”, afirma. Nos próximos meses, o taxista já tem traslados agendados para Minas Gerais e Rio de Janeiro com o novo veículo.

Todo o processo que possibilitou a nova conquista de Vilson foi feito e encaminhado pelo Banco do Empreendedor do Centro Empresarial, que representa a Fomento Paraná no município. “Temos créditos específicos para vários segmentos. No caso do Vilson, cuidamos de toda a parte burocrática e fizemos o encaminhamento da proposta para que ele pudesse acessar a linha de crédito disponível para a categoria”, explica o agente de desenvolvimento Itacir Rovaris.

Até novembro, mais de R$ 1 milhão foram liberados pelo Banco do Empreendedor de Francisco Beltrão, através da aprovação de 91 projetos.

Somente na linha destinada aos taxistas, mais de 300 veículos foram financiados em todo o Paraná. Para o ano que vem, quando a linha de crédito deve ser retomada, o Centro Empresarial está se preparando para o atendimento de novos profissionais da Associação de Taxistas que já manifestaram vontade em acessar o crédito para a troca de veículo.

Para a secretária de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico, Jovelina Chaves, a facilidade de obtenção do crédito fortalece a categoria. “Mais importante que ter um espaço em que os empreendedores, como os taxistas, dispõem de uma série de serviços e até encaminham negócios para se profissionalizar, é ver que a categoria está se fortalecendo, oferecendo mais conforto e melhores serviços e atendimento”, destaca.

No ano passado, uma parceria com a Associação dos Taxistas do município capacitou os profissionais para atender os clientes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *